Malta é um país pouco conhecido por boa parte dos brasileiros e, por isso, desperta tanta curiosidade com relação a seus hábitos e suas tradições. Se você decidiu visitar o país, ou até mesmo estudar inglês por lá, existem alguns pequenos detalhes sobre Malta que você não pode deixar de saber.

Curiosidades

 

– Em Malta, as pessoas dirigem como na Inglaterra ou na Austrália: do lado esquerdo da rua. Por isso, não se assuste ao alugar um carro por lá.

– Ainda na temática de direção, é importante saber que os malteses tem o pé relativamente quente quando o assunto é direção. Eles correm bastante e quase nunca respeitam o pedestre que deseja atravessar a rua, por isso, tome bastante cuidado por lá para não sofrer nenhum tipo de acidente.

– Lojas e mercados abrem bastante cedo no país. As seis da manhã já tem muita coisa funcionando, mas a grande maioria fecha antes das 16h para evitar as ondas de calor da tarde no país. Anote esses horários para não se confundir na hora de fazer suas compras.

– Malta é um país extremamente seguro. Tão seguro que as pessoas costumam deixar as casas abertas ou as chaves do carro na ignição e nada acontece.

– Os meses de outubro a janeiro não são recomendados para visitar o país, visto que é temporada de chuvas (e lá chove muito mesmo)! Evite o inverno e valorize o verão no país!

– Você pode beber água de torneira lá em Malta – mas isso não significa que ela será saborosa, ok?

– Malteses costumam assustar turistas com seus fogos de artifícios soltos em qualquer momento do dia. Eles adoram usá-los para celebrar qualquer ocasião e, por isso, optam por fazer seus testes ao longo do dia.

– Carregue dinheiro em espécie. Apesar da capital aceitar cartões de crédito na maioria dos estabelecimentos, as cidades menores podem não trabalhar com essa modalidade de pagamento – e nem ter caixas rápidos disponíveis para você fazer um saque.

– Cervejeiros de plantão devem provar a cerveja local chamada Cisk.

– Existem construções abandonadas ao longo de todas as partes do país, mas isso não significa crise econômica. Na grande maioria das vezes são obras abandonadas por causa da intensa regulação do governo.

– Em Malta o sol nasce cedo, as cinco da manhã, e se põe bem tarde, depois das nove da noite. Isso significa dias muito longos!

– A religião mais praticada em Malta é o catolicismo. Pelo menos 90% dos malteses se consideram católicos e, por isso, as regras de respeito às igrejas e símbolos religiosos é bem rigorosa no país.

– Por mais que seja um país de praia e muita balada, o topless é uma prática proibida em Malta e pode, inclusive, levar à expulsão do país.

– Em Malta todo mundo fala inglês, mesmo que o maltês seja considerado a língua local oficial.

Cidades:

ST. JULIAN’S – VALLETTA